Estimativa da variabilidade genética em linhagens de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) com a técnica de RAPD - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1236

Jayme Aparecido Povh, Héden Luiz Marque Moreira, Ricardo Pereira Ribeiro, Alberto José Prioli, Lauro Vargas, Danielly Veloso Blanck, Eliane Gasparino, Danilo Pedro Streit Jr

Resumo


A variabilidade genética é essencial para que se possa obter melhoramento genético e, portanto, é de grande importância a sua estimação. Desta forma, o objetivo do presente experimento foi estimar, pela técnica Random Amplified Polymorphic DNA (RAPD), a divergência e a variabilidade genética nas linhagens de tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) Bouaké e Chitralada em duas gerações de reprodutores do rio Nilo. Foram utilizados 20 animais de cada linhagem. A matriz de coeficientes de similaridade de Jaccard entre indivíduos foi utilizada para a construção de um dendrograma e para a determinação, com o teste de Mantel, da divergência genética entre linhagens. A variabilidade genética foi estimada pelo índice de Shannon e pela porcentagem de loci polimórficos. As linhagens Bouaké e Chitralada formaram grupos distintos. A primeira apresentou menor divergência e variabilidade genética em relação à segunda. A variabilidade genética foi semelhante entre as duas gerações de reprodutores em ambas as linhagens

Palavras-chave


divergência genética; melhoramento genético; Oreochromis niloticus; RAPD; polimorfismo; variabilidade genética

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascianimsci.v27i1.1236





ISSN 1806-2636 (impresso) e ISSN 1807-8672 (on-line) e-mail: actaanim@uem.br

 

Resultado de imagem para CC BY