Comparação dos métodos convencional e Filter Bag Technique da Ankom® (FBT) para determinação de fibra em detergente neutro e fibra em detergente ácido

João Ricardo Bortolassi, Geraldo Tadeu dos Santos, Claudete Regina Alcalde, Geane Dias Gonçalves, Maximiliane Alavarse Zambom, Antônio Claudio Furlan

Resumo


Foram analisadas fibra em detergente neutro (FDN) e fibra em detergente ácido (FDA) pelo método convencional e pela Filter Bag Technique da Ankom® (FBT), reutilizando os filtros F57 por até seis vezes. Para tanto, fez-se uso dos alimentos: milho moído, farelo de trigo, farelo de soja, farelo de canola, feno de tifton 85, feno de aveia, milheto e silagem de milho. O método FBT mostrou-se eficaz para a determinação de FDN e FDA para a maioria dos alimentos. A reutilização dos filtros F57 na FBT é recomendada de acordo com o tipo de alimento a ser testado. Para alimentos como a silagem de milho e o farelo de canola, a reutilização dos filtros poderá ser feita até seis vezes, já para outros alimentos, recomenda-se menor número de reutilizações. A análise da FDN para o milho, na FBT, não é recomendada.

Palavras-chave


amilase; filter bag technique; fibras; filtros F57

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascianimsci.v22i0.3221





ISSN 1806-2636 (impresso) e ISSN 1807-8672 (on-line) e-mail: actaanim@uem.br

 

Resultado de imagem para CC BY