Aspectos físico-ambientais e de uso e ocupação do solo da bacia hidrográfica do rio Almada-BA - doi: 10.4025/bolgeogr.v30i2.16423

Ronaldo Lima Gomes, Maria Eugênia Bruck de Moraes, Ana Maria dos Santos Moreau, Maurício Santana Moreau, Gustavo Barreto Franco, Eduardo Antônio Gomes Marques

Resumo


Este trabalho apresenta a caracterização físico-ambiental e de uso e ocupação do solo da bacia hidrográfica do rio Almada localizada na Região Sul do Estado da Bahia. Para tanto a metodologia adotada baseou-se no reconhecimento e caracterização dos atributos ambientais, a exemplo do substrato rochoso, recursos hídricos superficiais, formas de relevo, solos e uso e ocupação do solo; a partir da produção e levantamento de dados primários e secundários obtidos da consulta de trabalhos anteriormente realizados na área da bacia e da utilização de técnicas de mapeamento apoiados pela utilização de sensores remotos e por Sistemas de Informações Geográficas. Dessa forma tornou-se possível averiguar o atual cenário físico-ambiental da bacia em destaque para o conhecimento dos diferentes tipos de uso e ocupação do solo e o reconhecimento de suas fragilidades ambientais. De forma geral os resultados encontrados delineiam um cenário em que se identificam áreas de vulnerabilidade ambiental localizadas, principalmente, nas porções leste, oeste e sudeste da bacia. Na porção leste a vulnerabilidade se dá em áreas de ocorrência de substrato predominantemente arenoso que contribui para um quadro de fragilidade quanto ao potencial de contaminação do lençol freático e para a susceptibilidade a escorregamentos e erosão. Já nas porções oeste e sudeste a fragilidade se dá em função do processo de uso e ocupação do solo, visto que áreas de cobertura de cabruca e floresta estão sendo substituídas por áreas de pastagens. Tal processo vem acompanhado pelo aumento de áreas degradadas por solo exposto potencializando a ocorrência de processos erosivos.



Palavras-chave


Avaliação Ambiental; Qualidade Ambiental; Bacia Hidrográfica do Rio Almada

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/bolgeogr.v30i2.16423



ISSN 2176-4786 (on-line) e-mail: dge-boletim@uem.br