Um projeto católico de nação: Serafim Leite S. J. (1890-1969) e a obra Páginas de História do Brasil

Flávio Massami Martins Ruckstadter, Maria Cristina Gomes Machado

Resumo


Este trabalho teve como tema o pensamento do intelectual católico luso-brasileiro Serafim Leite (1890-1969). Serafim Leite foi padre da Companhia de Jesus e, embora português, viveu durante muitos anos no Brasil, onde se tornou reconhecido intelectualmente pelo grande trabalho de pesquisa sobre a história dos jesuítas na época da colonização portuguesa na América. Seus trabalhos lhe garantiram participação nos meios intelectuais luso-brasileiros. O artigo partiu do pressuposto de que a obra intelectual de um autor pode ser fonte para a pesquisa histórica em Educação, pois é elucidativa quanto a um projeto social em discussão em determinado momento da história. O objetivo do texto foi analisar alguns elementos de seu pensamento sobre o passado jesuítico na colonização para compreender o projeto de nação defendido pelo autor nos anos de 1930. A principal fonte utilizada nesta discussão é o livro Páginas de História do Brasil, publicado em 1937, como parte da famosa Coleção Brasiliana. O estudo considerou, em seu pensamento, os conceitos de história, sociedade e educação. Por meio da análise destas categorias foi possível afirmar que o projeto de nação católica defendido por Serafim Leite coincide com outros discursos de parte da intelectualidade brasileira que ao longo da primeira metade do século XX, tinham interesse em dar sentido à ideia de nacionalidade e unidade para o povo brasileiro.

 


Palavras-chave


Serafim Leite (S. J.); História da educação; História dos intelectuais; Páginas de História do Brasil.

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.0000/rtpe.v18i1.29004



ISSN 1415-837X (impresso) e ISSN 2237-8707 (on-line)